Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ninguém é feliz sozinho

Ninguém é feliz sozinho

Olha que simpatia

canada.jpg

A ideia é incentivar o arrendamento, dizem. Por isso, algumas Câmaras Municipais aprovam medidas de redução do IMI, Imposto Municipal sobre Imóveis, para as casas arrendadas, mas terá de ser o senhorio ou proprietário, a requerer anualmente esta redução, durante o mês de Novembro. As Câmaras enviarão depois estes pedidos ao Fisco, que é a entidade que liquida o imposto. 

Até aqui tudo bem. Porém são exigidos aos proprietários vários comprovativos, que o Fisco já dispõe, entre os quais cópia de certidão da conservatória do Registo Predial emitida há menos de um ano, ou código de acesso à certidão permanente.

Tudo isto tem custos. Custos que muitas vezes não compensam a redução do imposto.

Para quê, então exigir tais comprovativos? Só para fingir que se fez uma redução? Será que a famosa «modernização» não pode simplificar esta coisa? 

Quando a esmola é muita o pobre desconfia, olha que simpatia, pois então.

A minha alegre casinha

janelanses.jpg

Pois andaram a mexer outra vez nos impostos relativos aos imóveis.  E em vez de explicarem ao povo, de uma forma clara, o que a gente quer é aumentar a receita pública, porque a coisa está feia, toca de disfarçar, mexer nos critérios aqui e ali, convencidos que assim escapam.

Agora as casas com vista para a ETAR ou para os cemitérios passam a pagar menos IMI, imposto municipal imobiliário, e as casas com sol ou com terraços ficam a pagar mais. Objetividade acima de tudo, como se constata.

Isto faz algum sentido?

Não está em causa o pagamento do dito IMI, o que está em causa são estes retoques mal amanhados, quando já foi referida a intenção de mexer de novo no regime deste imposto.

Assim, a famosa canção, «a minha alegre casinha tão modesta quanto eu», deverá passar a acrescentar, «e com vista para a ETAR».  

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D