Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ninguém é feliz sozinho

Ninguém é feliz sozinho

A benção da paz conjugal

ervas  aromas.jpg

Era um jantar de amigos de longa data, cúmplices de muitos anos, e em casa de um dos casais.

A dona da casa, mãe de vários filhos e avó ainda de mais netos,  perguntou quem queria sopa. Inscreveram-se uns tantos. Sim, ela ia já buscar as sopas, mas a do marido, afiançou, seria aquecida no fogão, pois sabia muito bem que ele não queria comida que tivesse passado pelo micro ondas, essa máquina que ele repetia ser infernal, a espalhar radiações e outras coisas más.

Na cozinha, entre risadas, ela explicava às amigas, «agora ponho o tachinho no lava louças, com água e a concha suja, só para manter as aparências e a sopa vai para o micro ondas, como as outras, é muito mais rápido e dá muito menos trabalho, pois então.» 

Entretanto na sala, o marido explica aos amigos, «sei muito bem, que ela vai aquecer a minha sopa no micro ondas, mas deixo-a sempre fazer esta graça.»

E pronto, aqui está mais um exemplo de almas gémeas e harmoniosas, em perfeita sintonia e paz conjugal. 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D